Home > Blog > Detetives > Detetive particular pode ajudar em investigações policiais?

Detetive particular pode ajudar em investigações policiais?

A profissão de Detetive Particular tem crescido muito nos últimos anos. Sua função é apurar fatos e crimes que podem (ou não) ser resolvidos pelas autoridades competentes. Desde adultérios até homicídios, este profissional está apto a atuar de forma competente.

No desenvolvimento de sua função, o Detetive busca provas documentais, materiais, indícios e testemunhas que ajudam a desvendar crimes e problemas.

Trata-se de uma profissão legalizada e, por isso, as Autoridades têm a missão de reconhecer o valor e a importância do trabalho dessa classe, que participa ativamente dos dias atuais.

Com relação ao trabalho conjunto com a polícia, é importante ter em mente que o Detetive não pode trabalhar junto e nem mesmo interferir nas ações dos policiais.

O que é permitido fazer é reunir provas para serem acrescentadas ao inquérito policial. Mas, para isso, a Autoridade responsável pelo caso deve estar ciente deste fato. Além disso, não é permitido ao Detetive se apresentar como polícia e nem agir com os poderes inerentes às Autoridades.

Cabe aos profissionais desta classe agir com ética, respeito e disciplina. Existem normas de conduta que devem ser seguidos à risca e discrição com as particularidades daqueles que os contrataram.

No levantamento de provas para serem acrescentadas no inquérito policial, o Detetive precisa ser profissional, agir de acordo com a lei e não se envolver emocionalmente com as pessoas investigadas. Caso contrário, todo o trabalho pode ser prejudicado e não ajudará as Autoridades policiais na resolução final do caso.

Postado em 24/04/2015